ConTEXTO do ENEM 

A importância do esporte enquanto prática de inclusão social

por Filipe Emanuel da Silva Henriques

Postado em 19/06/2020


A importância do esporte enquanto prática de inclusão social

Disponibilizamos uma nova proposta de redação, com o tema "A importância do esporte enquanto prática de inclusão social". Leia a proposta e escreva seu texto na folha de redação a tinta, azul ou preta. Em seguida, escaneie sua redação e a envie para nossa equipe! Em poucos dias você receberá a correção.

 

PROPOSTA DE REDAÇÃO

 

A partir da leitura dos textos motivadores seguintes e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija um texto dissertativo-argumentativo na modalidade escrita formal da língua portuguesa sobre o tema “A importância do esporte enquanto prática de inclusão social”, apresentando proposta de intervenção, que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para a defesa de seu ponto de vista.

 

Texto I

Nos ambientes esportivos, vende-se a ideia de que todos são iguais. De que todos recebem o mesmo tratamento. De que todos são respeitados. Não é bem assim.

Ao longo dos anos, o preconceito esteve e ainda está presente nos ambientes esportivos. A participação da mulher e do negro no esporte, a orientação sexual do e da atleta são alguns dos preconceitos históricos, sociais e culturais que precisam ser vencidos. O que tem sido feito para combatê-lo e para que todos possam ser tratados com respeito e exercer seus direitos? Por causa dele, homens e mulheres tiveram suas carreiras interrompidas ou precisaram suportar serem humilhados até o fim delas. Mas há quem teve e tem coragem para enfrentar a homofobia, o racismo e todo tipo de preconceito.

 

Disponível em: https://observatorioracialfutebol.com.br/esporte-em-jogo-preconceitos-uma-corrida-de-obstaculos/ Acesso em: 19 maio 2020. (Adaptado).

 

Texto II

LEI Nº 13.146, DE 6 DE JULHO DE 2015.

Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência).

CAPÍTULO IX - DO DIREITO À CULTURA, AO ESPORTE, AO TURISMO E AO LAZER

Art. 42. A pessoa com deficiência tem direito à cultura, ao esporte, ao turismo e ao lazer em igualdade de oportunidades com as demais pessoas, sendo-lhe garantido o acesso: 

I - a bens culturais em formato acessível; 

II - a programas de televisão, cinema, teatro e outras atividades culturais e desportivas em formato acessível; e

III - a monumentos e locais de importância cultural e a espaços que ofereçam serviços ou eventos culturais e esportivos.

Art. 43. O poder público deve promover a participação da pessoa com deficiência em atividades artísticas, intelectuais, culturais, esportivas e recreativas, com vistas ao seu protagonismo, devendo:

[...]

III - assegurar a participação da pessoa com deficiência em jogos e atividades recreativas, esportivas, de lazer, culturais e artísticas, inclusive no sistema escolar, em igualdade de condições com as demais pessoas.

 

Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2015-2018/2015/Lei/L13146.htm. Acesso em: 08 jun. 2020.

 

Texto III


Disponível em: http://observatoriodoesporte.mg.gov.br/infografico/51348/. Acesso em: 20 maio 2020.

 





Faça uma conta para deixar seu comentário!